Seguidores

quarta-feira, 20 de junho de 2012

INJUSTIÇA.

É no momento da dor e que mais precisamos é que vemos quem realmente é nosso amigo, e o pior geralmente sobram pouquíssimos, ainda lhe fazem cobranças, se alguém muito querido morre, e você não se descabelou, gritou, me leva com você! 

Na verdade, você só conhece alguns dos seus amigos na hora de uma precisão, é muito triste isso, anos depois de perder meu marido, eu aprendi lidar com todo tipo de gente.

E tem mais! Nada mais, nada mesmo que vem de baixo me atinge, antes eu sofria com criticas, falsidades, injustiça, hoje tiro de letra, vizinhos para mim, só bom dia, boa tarde e boa noite.

E se alguém fala algo que não gosto, eu finjo que não é comigo, antigamente com qual quer coisa eu chorava e ficava triste, eu não era, de falar ou ofender os outros.

 Hoje não mais, bateu levou, meta-se com suas vidas, eu não me incomodo com a vida de ninguém, posso ver alguém roubando, matando, traindo, que eu me finjo de morta.

Se cada um vivesse sua vida, teriámos um mundo melhor, para que viver a vida dos outros, se temos nossos próprios problemas? 

Joana D'arc Nunes de Araújo Alves Ferreira

Nenhum comentário: